Os 4 pilares

Nosso trabalho gira em torno de 4 etapas fundamentais:

Apoio comercial estratégico na concepção do produto

O produto ainda não foi concebido. Ele está apenas na cabeça, um desejo de criar, precisamos entender qual a demanda dos consumidores locais. Isto é, deve refletir a necessidade das pessoas, e em hipótese alguma basear-se apenas na percepção do empresário ou pelo achismo de pessoas inexperientes. Parafraseando: "Se você falha em planejar, está planejando em falhar". Na pesquisa de mercado, envolvemos múltiplas inteligências, como a Incorporadora, empresa de vendas, Agência de Marketing Imobiliário, Business Intelligence, dentre outras que forem necessárias, que por sua vez, transferem suas experiências da comercialização, marketing e estratégias de mercado para o desenvolvimento do produto.

Pré-lançamento

Antes do Registro de Incorporação (R.I.), o empreendimento ainda não possui autorização legal e jurídica, não podendo ser comercializado. Mas ele já existe, já saiu do papel. É o momento de informar os corretores, treiná-los e motivá-los ao máximo. Aqui trabalhamos um pool de imobiliárias e corretores autônomos. A fase preferida de alguns potenciais investidores é aquela que antecede o lançamento para o cliente final, um pouco antes desse "Dia D", onde pode-se comprar o produto com pagamento ainda mais facilitado e um preço diferenciado. Aqui a estratégia de comunicação será despertar uma sensação de oportunidade, exclusividade e o que eles procuram, rentabilidade. Após o Registro de Incorporação (R.I.), algumas ações de marketing já começam a ser desenvolvidas, mas de maneira não muito expressiva. Chamamos esta etapa de aquecimento. Logo, iniciamos as ações piratas, ações de represamento com o foco em prospectar o maior número de intenções de compras, os chamados Leads quentes.

Lançamento

Alguns dias antes, as ações de marketing são intensas, toda equipe de vendas já está em campo, logo o empreendimento já poderá ser vendido. Liberamos o espelho vendas para os corretores e Imobiliárias, motivamos novamente toda a equipe de vendas como se fosse o melhor e o último produto de suas vidas. Eventos são feitos, ações itinerantes, agressividade em campo, aqui colocamos todo o planejamento e estratégia em ação. É a hora de converter, em vendas, todas as reservas levantadas na fase anterior.

Estoque ou remanescente

Esta é a fase conhecida por muitos como osso. É aquela que a maior parte da equipe de vendas perde o interesse, justamente pelo novo cenário. O empreendimento já não possui as mesmas facilidades iniciais, está mais caro, marketing pouco expressivo ou nenhuma ação relevante. É o momento para criar novas estratégias, assertivas, pontuais e com outras motivações para o cliente. Analisamos o território de ação do empreendimento, mapeamos estrategicamente os melhores pontos e são geradas suas respectivas ações. Com o mapeamento adequado e os componentes geográficos das informações armazenadas por nossa pesquisa, tornamos uma fonte própria de conhecimento para uma correta tomada de decisão.

Inteligência geográfica, demográfica e psicográfica

A utilização de um dos melhores softwares e ferramentas do mercado, tornamos possíveis as análises e simulações de cenários que maximizarão nossos resultados. Nosso Georeferenciamento visa aumentar a vantagem competitiva do nosso empreendimento através de uma maior compreensão do mercado e de um melhor aproveitamento das dimensões geográficas, demográficas e psicográficas.

Segmentação, prospecção e direcionamento

Ao incorporar nossa inteligência de vendas e Marketing com estratégias de prospecção e retenção de leads, e direcionamento nos processos, nossas ações serão mais assertivas. Planejamento de acordo com o grau de atratividade da cidade e da região, setorização e alocação dos recursos humanos em cada momento e fase do empreendimento. Televendas: Equipe especializada em vendas por telefone. Aqui nosso foco é levantar leads e direcioná-los ao plantão de vendas ou algum atendimento personalizado.

PDV

Plantões de vendas itinerantes em locais estratégicos com grande fluxo de pessoas e/ou em lugares onde nosso público-alvo se encontra.

Plantão de vendas no local

Recepcionistas, corretores, coordenadores, gerentes, dentre outros players, todos preparados para o atendimento e fechamento de negócios. Aqui criamos um ambiente onde, caso o cliente não feche com o corretor, quem assume é o gerente comercial. A negociação passa a ser mais persuasiva com o objetivo de apresentar uma proposta ainda melhor. Se mesmo nesse caso o resultado não for positivo, chegamos à última oportunidade, chamada de repescagem. A partir daí, a negociação passa a ser feita por um diretor comercial. Com mais autonomia e poder de argumentação, o cliente só não fechará negócio se suas condições não estiverem ao alcance ou se for um simples especulador do mercado.

PAP: porta a porta

Nossos corretores vão em busca do cliente, visitando empresas, consultórios, comércios, lugares onde estarão nosso público-alvo.

Eventos

Café de relacionamento com pessoas estratégicas, café da manhã, coquetéis, pocket shows, chá da tarde com mulheres âncoras, dentre outros eventos com objetivo de efetivar contratos.

Indicadores (propagadores voluntários) de compra

Criamos métodos de geração de parceiros que indicam clientes para nosso empreendimento. Estes indicadores ajudam e contribuem expressivamente com nosso resultado.